Observação consciente: o que é e como te pode ajudar

Muitas vezes, estamos - mas não estamos. Vemos, mas não olhamos. Cheiramos, sem associar. Sentimos, sem pensar, e saboreamos na ausência. Isso faz de nós seres alheados e prejudica a nossa forma de viver em totalidade e, também, entre tantas outras coisas, prejudica a nossa criatividade.


Então, é disto que vos falo hoje: da importância de uma observação consciente para a nossa criatividade.

Estamos sempre rodeados pelo TODO - em toda a sua IMENSIDÃO até cada uma das suas partes. Uma árvore, por exemplo, pode ser vista apenas como árvore (o todo) ou pode ser vista pelas suas folhas, pelos seus ramos, raízes, cheiro, textura, pela forma como dança com o vento, pela sua idade ou pela sua origem ao pensarmos em quem a plantou.


A criatividade surge da nossa visão das coisas pelos seus diferentes ângulos - que são infinitos.

Um bom observador não julga o que vê - apenas observa e tenta compreender. Tenta ver o maior número de partes possível.


Existem dois truques para conseguirmos tirar mais partido da observação:

  1. Dividir as coisas pelas suas partes - comparti-las da forma mais pequena que conseguimos;

  2. Usar todos os nossos sentidos - e não apenas a visão.



Agora, um pequeno exercício para pores em prática o que acabei de partilhar:

  1. Escolhe uma zona da tua casa;

  2. Observa tudo durante 15 seg - enquanto tentas memorizar o que vês;

  3. Noutra divisão da casa, desenha tudo o que recordas;

  4. Volta ao local inicial e, agora, usa os teus sentidos + a observação das partes, compartimentando o que vês;

  5. Vai até a outra divisão e completa o teu desenho.

Podemos ver que, por norma, nos primeiros 15 segundos - usando apenas a visão - apenas retemos os objectos maiores, deixando as coisas pequenas - ou que vão para além da visão - de fora.


Já quando usas os sentidos, preservas muito mais e, se te focares nas partes, ainda mais!


Um artista tem de se relacionar com o ambiente que o rodeia, não podendo estar focado apenas no seu mundo. Desta forma, espero que esta partilha te ajude a expandir os horizontes da tua observação e que muitas surpresas boas aconteçam!

4 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo