• Daniela Ventura

8 dicas para activar a CRIATIVIDADE

Se a criatividade fosse "fogo que arde sem se ver", digamos que, umas vezes, seria uma chama quase extinta e outras um espampanante fogo-de-artifício!


Se estás aqui neste blogue é porque sabes bem que não são apenas os artistas, os músicos ou os profissionais de comunicação que precisam ser (ou são) criativos. A criatividade é inerente a qualquer pessoa e importante mesmo que não seja exigida pela função que desempenhamos profissionalmente.

Ser criativo não significa ter um talento e muito menos um “dom”: a criatividade fomenta-se através de algumas práticas ou de pequenos truques e são essas dicas que venho aqui hoje partilhar.

1. Imitar

"Ser criativo é ser-se original - não sou criativo se imitar ideias alheias".

Este é um pensamento muito recorrente e que nos causa grandes bloqueios, principalmente hoje em dia em que o fluxo de partilha de conteúdos é gigante.

Libertem-se desse preconceito e imitem muito - pois é desta forma que aprendemos e que nos vamos encontrar. Não estou a falar de expropriação de ideias, mas de inspiração e reprodução. É imitando, aprendendo e aperfeiçoando que vamos perceber onde está a nossa originalidade.


2. Anotar ideias Registar ideias fortalece o nosso comportamento cognitivo e ajuda a conectar as coisas. Mesmo que não faça sentido, mesmo que sejam sensações, vontades, necessidades, partilhas, algo que ouves na rua, uma só palavra: registe-as, sem julgamentos e em liberdade.

Aproveita e começa também a criar listas: alimentos que gostes (agora, em criança,...), cheiros que te trazem aconchego, canções que te transportam...

3. Preparar o ambiente

Sejam espaços públicos como cafés, esplanadas ou parques, um quarto, sala ou escritório: o importante é que te sintas confortável e inspirada no local que escolheres. Este pode ser o um lugar especial - mesmo sem ninguém o saber. Rituais são (importantes e) bem-vindos. Os meus passam por colocar uma playlist específica para o trabalho que vou realizar (e mood) e por escolher uma mistura de óleos essenciais que ponho no ambientador.


4. Começar o dia a escrever É um exercício antigo e já conhecido - com resultados surpreendentes. Escolhe um caderno, deixa-o perto da tua cama e, ao acordar, escreva 3 páginas. Com o quê? Com o que te apetecer! Uma vez mais, o julgamento deve ser excluído desta prática. Escreve apenas: sonhos, ideias, vontades, bem ou mal, com ou sem erros. Se estiveres sem ideias, escreve “Estou sem ideias hoje e por isso não vou escrever mais nada para além disso.” até completares as 3 folhas. Sê persistente neste trabalho e, a médio prazo, serás surpreendida por resultados espantosos. (para saberes mais sobre esta prática, voa até este artigo)

5. Curiosidade Sabias que a curiosidade e a criatividade andam de mãos dadas? É verdade! O interesse em conhecer coisas novas, alarga os nossos horizontes, é o que potencia a diferenciação das nossas ideias. Explora o mundo e experimenta-o. Lê livros de autores que nunca leste, compre uma revista nova, veja um canal diferente, assista a uma série ou um filme que nunca escolherias e prova novas comidas.


6. Tirar partido do mood do dia

Aceita a pessoa que és nesse dia e tira proveito dela. E o que quer isto dizer? Todos temos dias em que estamos alegres, outros mais preguiçosos, mais ou menos motivados, brincalhões ou melancólicos. Aceita o teu sentir, (principalmente) respeita-o e tira partido dele mostrando-te como sentes.

7. Reservar tempo de qualidade para ti Uma vez por semana, pelo menos, marca na agenda um encontro contigo mesma. Sim, só contigo - sem mais ninguém por perto! Programa esse momento (com criatividade): lê um livro, vai ao cinema, marca uma massagem ou terapia nova, dá um passeio à beira-mar, faz coisas que gostavas de fazer em criança. No fundo, é importante abstraires-te de todo o stress acumulado, alimentando a criatividade através de todas as fontes de inspiração possíveis. (para saberes mais sobre esta prática, voa até este artigo)


8. Aproveitar a energia das emoções

Sente: o que se passa dentro de ti hoje? Que acontecimento de deixou cheia de adrenalina, com uma calma imperturbável ou a explodir de raiva? Estás com obras no prédio, zangaste-te com o teu irmão, recebeste uma óptima notícia inesperada, o dia está chuvoso e sentes uma passividade extra. Canaliza a energia da tua emoções e transporta-a para o teu trabalho. Utiliza-a. Sê o teu alquimista interno e utiliza todos os teus recursos.


Espero que esta partilha vos possa de alguma forma ser útil e ajudar.

CONTACTO
  • Preto Ícone LinkedIn
  • Ícone do Instagram Preto

© 2020 por Daniela Ventura

Serviços de Comunicação